Escolha uma Página

As cidades precisam manter o compromisso, além de com as pessoas e prédios, com seus espaços públicos e abertos para o convívio. As cidades mais indicadas para se viver são conhecidas tanto pelo seu valor cultural, social e também pela atenção que dá à natureza. Hyde Park, em Londres, Central Park, em Nova Iorque, Phoenix Park, em Dublin, entre muitos outros locais, são por si só atrações para quem vive por lá e também para os visitantes e turistas.

As áreas verdes nos prédios comerciais e residenciais também são peças-chave para a urbanização sustentável das cidades – inclusive quando consideramos questões de saúde. Os benefícios para corpo e mente associados a esses espaços são inúmeros, como a redução do nível de estresse do dia a dia, dos índices de depressão e, claro, do aumento da pureza do ar – tudo que se traduz em uma qualidade de vida acima da média. A inatividade física também é um dos grandes riscos à saúde humana, de acordo com a World Health Organization, tanto para o corpo como para a mente. Por isso, as áreas verdes são tão essenciais nas cidades do mundo.

Atitudes urbanísticas sustentáveis no Brasil são referências entre os países emergentes

Com o mundo urbano crescendo continuamente, é importante valorizar as iniciativas verdes, mesmo que seja um desafio cada vez maior – especialmente em nações, como o Brasil, que são emergentes, com pressões sobre como dividir espaços, recursos e o desenvolvimento de tudo isso. Os espaços urbanos – considerando também os locais dentro dos condomínios – contribuem para a proteção de terras naturais e reservas ecológicas.
 
O Brasil, por exemplo, é um dos principais países emergentes com iniciativas de urbanização modernas, sempre levando em conta as áreas verdes. Em Curitiba, cerca de 1,8 milhões de pessoas consomem 23% menos combustível per capita do que a média de todo o país. É inegável que esse fato tenha relação com seus 16 parques, 14 florestas e mais de mil áreas verdes compartilhadas por seus habitantes.

Principais vantagens das áreas verdes em condomínios

No caso dos condomínios, a mesma lógica se aplica com perfeição. Entre as vantagens que esse tipo de iniciativa fornece estão as áreas formais (e informais) para práticas de esporte e recreação, a preservação de áreas verde, a disponibilização de espaços dedicados à natureza e até mesmo à canalização da água de chuvas (a fim de evitar enchentes, alagamentos e inundações).
 
É válido lembrar que os espaços verdes funcionam como para-raios. Nos dias de chuvas fortes, as árvores mais altas atuam como um tipo de proteção a mais, às vezes mais funcionais que os para-raios instalados nos edifícios, já que os sais minerais presentes nesses tipos de plantas atraem as descargas elétrica de forma natural.
 
Outra vantagem das áreas verdes é a capacidade real de diminuir o aquecimento global. Os vegetais liberam pequenas gotas de água com a respiração. Nos dias de temperatura elevada, essa ação faz com que as sensações térmicas fiquem mais baixas, garantindo um ar mais fresco a quem conviver perto das plantas. Os raios UV do Sol também são bloqueados pelas árvores altas, já que essa vegetação usa os ultravioletas para a fotossíntese, e, consequentemente, protege a pele das pessoas contra os danos que esse tipo de luz provoca.
 
O valor estético das áreas verdes nos conjuntos de prédios comerciais e residenciais também é importante. As áreas compartilhadas ganham mais vida e visibilidade se estiverem cheias de árvores e outras plantas, além de gramados que permitem às pessoas brincarem, se divertirem e compartilharem momentos juntos. O visual é importante para, não apenas deixar alta a autoestima dos moradores, mas também para impressionar os visitantes que se encantarão com o local.
 
As dicas e informações compartilhadas nessa postagem mostram que não existe praticamente nenhum malefício ao apoiar e adotar práticas sustentáveis – como a criação de áreas verdes de convívio compartilhado – nos condomínios. O que é necessário, acima de tudo, é a força de vontade e a iniciativa em colocar esse tipo de plano em ação, cobrando medidas do poder público e exaltando as ações da iniciativa privada que contribuem para esse fim tão importante para as pessoas e o planeta em si.
 

Receba informações
pelo Whatsapp

Contato enviado com sucesso.

Informações por e-mail








Contato enviado com sucesso.